Assessor de Feliciano é detido por suposta ameaça a Patricia Lelis

O assessor do deputado Marco Feliciano, Talma Bauer foi detido na noite de ontem acusado de forçar Patrícia Lelis a gravar um vídeo desmentindo as acusações feita pela jovem ao pastor Marco Feliciano. Patrícia contou a polícia que ficou em carcere privado em um hotel da capital paulista, além de sofrer diversas ameaças caso não concordasse em manter silêncio sobre o caso envolvendo o também pastor Marco Feliciano.

Ao sair da delegacia, Bauer deu entrevista à TV Globo, o assessor disse que tinha ido prestar esclarecimentos “sobre uma menina que veio fazer uma falsa comunicação de fatos”. “Isso me parece que é uma perseguição política. As esquerdas estão aí, querendo derrubar todo mundo, mas nós estamos firmes, com Jesus venceremos”, disse Bauer ao ser liberado.

Talma Bauer saiu da delegacia durante a madrugada afirmando que o relato da jovem parecia ser 'perseguição política' contra Feliciano (Foto: Reprodução/TV Globo)
Talma Bauer saiu da delegacia durante a madrugada afirmando que o relato da jovem parecia ser ‘perseguição política’ contra Feliciano (Foto: Reprodução/TV Globo)

 

A Rede Pentecostal é o maior portal de Notícias Gospel do segmento pentecostal no Brasil.