IPDA abre fogo contra canal do Youtube “O Falso Evangelho”


Cantora Débora Miranda pediu aos membros da IPDA denunciem o canal “O Falso Evangelho”, por fazer vídeos falsos


A cantora Débora Miranda, uma das diretoras da IPDA (Igreja Pentecostal Deus é Amor) veio a público através de uma página no Facebook pedir aos “membros, obreiros, pastores e todos colaboradores do reino em geral” que denunciem o canal do Youtube “O Falso Evangelho”.

Criado em Abril do ano passado, o canal “O Falso Evangelho” tem feito uma oposição ferrenha à Igreja Deus é Amor nas redes sociais. Diariamente o canal publica vídeos no Youtube com criticas aos deusamorenses, que vão desde a denúncias de falsas curas ocorridas na IPDA até acusações de má gestão do uso dos dízimos pela família Miranda. Com uma vinheta de abertura característica que mostra um lobo vestido de terno portando uma mascara de ovelha nas mãos, acompanhada pela voz de Cid Moreira dizendo “esses cachorros são gulosos e sempre querem mais comida e os pastores do meu rebanho não entendem nada todos seguem seus próprios caminhos e procuram seus próprios interesses”, os vídeos publicados pelo canal já causaram muita polêmica no meio evangélico. No mês passado o canal chegou a publicar um documento mostrando a partilha de bens deixados por David Miranda que segundo o canal deixou mais de cem milhões de reais em bens e dinheiro para a viúva e seus filhos. O canal também foi, junto com outros canais do Youtube responsável pelas denúncias que levaram a queda do Pastor David Miranda Filho, irmão gêmeo de Débora, em Setembro desse ano após o envolvimento do pastor em conversas indecentes com uma jovem na internet.

Entretanto segundo Débora Miranda o canal foi criado para “difamar a Igreja Deus é Amor com vídeos e depoimentos falsos. “Há um canal ativo no youtube, criado especificamente para difamar com mentiras e videos com imagens, fotos, depoimentos falsos e administradores ocultos, que não se revelam, talvez por temerem encarar a verdade”, declarou a cantora que publicou o link do canal pedindo que todos o denunciassem.

Débora ainda ressaltou que a IPDA está sendo alvo de muitos ataques de pessoas que “escondem seus rostos, suas identidades, assim como as verdades em suas informações” e garantiu que a igreja não ficará inerte perante o que está ocorrendo. “Não nos calaremos, pois nosso compromisso é com Deus!”, declarou.

A cantora Evangélica Débora Miranda.

A filha do fundador da Deus é Amor ainda garantiu que o trabalho realizado pela IPDA é transparente pois o ministério trabalha com a verdade. “Não temos nada a temer, nem em cartório, nem em redes sociais…Trabalhamos com total clareza. Temos feito reuniões com transmissão ao vivo, exatamente porque estamos trabalhando com a verdade”, garantiu a cantora ao responder um comentário de uma internauta defensora do canal O Falso Evangelho.

Débora Miranda ainda finalizou dizendo que a diretoria da IPDA está se colocando a disposição para qualquer tipo de esclarecimento quanto ao crescimento e desenvolvimento do trabalho realizado pela diretoria da IPDA.

O canal O Falso Evangelho ironizou as declarações de Débora. Em postagem recente o canal alegou que as declarações de Débora Miranda de que os vídeos postados pelo canal são falsos não fazem sentido. “Nós somos mestres da montagem então, nós somos mestre em computação, porque ela afirma que nossos videos, nossas fotos, nossos relatos são todos falsos, não tem lógica irmãos, quando a gente tem certeza que algo é falso a gente corre atrás”, declarou um defensor do canal.

Comente pelo Facebook

Comente pelo Facebook

Saulo Souza da Cruz

É formado em Comunicação Social - Publicidade e propaganda. Evangélico, criou a Rede Pentecostal para divulgar notícias do segmento pentecostal.